A origem do Dia das Crianças

Em 1923, o Rio de Janeiro sediou o 3º Congresso Sul-Americano da Criança. No ano seguinte o deputado federal Galdino do Valle Filho elaborou o projeto de lei que estabelecia essa nova data comemorativa. Em 1924, o decreto nº 4867, instituiu 12 de outubro como data oficial do Dia das Crianças.

Mas, a data não ficou popular de imediato. Mais de 30 anos depois, em 1955, uma campanha de marketing de uma fabricante de brinquedos lançou a chamada “Semana do Bebê Robusto”. O sucesso da campanha logo atraiu a atenção de outros empresários ligados à indústria de brinquedos e para alavancar as vendas lançaram a “Semana da Criança”.

Os bons resultados fizeram com que esse mesmo grupo de empresários resgatassem a comemoração do dia “12 de outubro” criado pelo deputado Galdino, assim o Dia das Crianças foi se tornando cada vez mais popular no país e hoje é uma das datas mais importantes para o comercio brasileiro.

Vale lembrar que as crianças merecem muito mais do que presente. Respeito, acesso à saúde, educação de qualidade, segurança, família, boas referências e um ambiente saudável são só alguns exemplos do que realmente importa. Infelizmente as crianças estão entre os grupos mais vulneráveis. Cada vez mais as ações de entidades sociais do terceiro setor fazem a diferença na vida dessas crianças. Cuidar das crianças é cuidar do futuro de todos nós e do nosso planeta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *